Guarda flores entre as paginas dos livros achando que quando secarem seus sonhos se realizarão....... desenha flores nas aguas do rio e vê formas nas nuvens que passam..... Não é louca..... apenas não gosta do mundo que vive .Quer sair.....mais sabe que morrera nele.......um dia...... Adriana Martins

Amigos


..há dias que sou  barco a  deriva
num  mar revolto
sem direção
procuro  uma  ilha
com  casas de  telhados  brancos
sobrevoo de  gaivotas
de por de  sol  cor de sangue
e anoitecer  de céu com   estrelas
Meu lugar secreto
onde um  dia  me  perdi ,.......
Aqui estou  eu
 um barco que se recusa
a se perder em outra  ilha
porque não é esse meu caminho
preciso de  você
assim  como  um  navegante busca
um  farol..
uma direção
 um caminho
minha ilha.....

Um comentário:

  1. Quem nos aliviará a grande sede de um coração que transita em uma fenomenologia cheia de êxtases de vontades? Perder-se dentro de um íntimo tomado de labirintos, e ainda assim ficar a espreita de um derramamento glacial dos fluxos de esperanças. Devemos abrir os olhos e ver os lábios sorrirem com os suspiros de um coração que ainda respira vida. Obter o farol e nos seus fachos de luz fazer andar os sonhos que se foram, e que deixaram um vácuo imenso no pélago do espirito. Arrancar a nossa direção nas belas curvas dos sorrisos que ainda se abrem para receber as delícias de um hálito morno e palpitante. Fazer um novo caminho dentro da gente e obter um descanso para os nossos pés feridos.Olhai cada estrelas que saltitam nos olhares de quem te ama! Pregai com os teus lábios a renovação da tua alma que muito se encanta e delira pelo o talento e a sensibilidade de um "eu" mulher sábia. Levantar a belo ardente manancial as exuberâncias de cada gestos que são tomados do teu corpo para felicitar a tua presença nas vidas de muitos que te amam. Ah! Eu estou tão só! - Assim fala e sente o meu coração que se entrega as reminiscência e a minha pele treme quando nela caem as primeiras gotículas de lágrimas. Onde está a minha ilha? O meu caminho é você e eu estou tão frágil e os pensamentos saltitam a tua espera!
    Quero me entregar e beber da essência que pulsa vida, e assim saberei que vivo radiante dentro das pupilas que me olham...
    Acalenta-te a si mesma porque as dádivas da tua beleza íntima são rara e frutificar a cada dia as forças que emanam de ti... Acrescento ainda um belo perfume pulsante que sai da tua boca e se mistura a lírica de uma navegante que tanto aspira e espera beber o seu próprio odor em um cálice de ouro. Felicito-te e anseio que possa se tornar cada dia mais bela, linda e sensível traçando teus belos poemas com os suspiros do teu próprio espírito.
    Vá avante e se envaideça com os cânticos profundos da mulher que em ti vive e habita...
    FELICIDADES!

    ResponderExcluir