Guarda flores entre as paginas dos livros achando que quando secarem seus sonhos se realizarão....... desenha flores nas aguas do rio e vê formas nas nuvens que passam..... Não é louca..... apenas não gosta do mundo que vive .Quer sair.....mais sabe que morrera nele.......um dia...... Adriana Martins

Amigos


Acordei hj pensando  que  estava em  casa
a sensação de  que  você estava aqui
a morte  não separa  pessoas
apenas distancia lentamente
ainda lembro de  você,
mais n ão  de   sua   voz
ainda  lembro  dos nossos  momentos
mais  não  mais  do  seu toque
Fiquei  aqui pensando nesses  meses que passaram
quase  um  ano
todo  passou,
menos   a dor
que  ficou
esse  vazio
essa  incerteza do  que  vem pela  frente
vivo
ou
sobrevivo
a cada  dia me  faço  mais
e mais  forte
procuro não  me prender  a  nada
mais  as vezes paro  e choro
Choro  por  mim
que  fiquei  aqui perdida  nesse  tempo
como  em  outra  dimensão
aos  poucos  me  desfiz  de   tudo  que  lembrasse  vc
fotos,
livros
cartas
mais aqui  dentro de  meu  coração
vc  ficou  tatuado para  sempre
num  tempo  que  era meu  e  seu
Falam que  tenho  que deixar  você  partir
sei  que  tenho
mais   é  difícil
Tenho  medo e apagar as  lembranças
de  que   se dissolvam   numa   névoa
como as  que  se dissolveram um  dias com  outras  pessoas
.....que perdi
Tenho que  começar  a  viver  novamente
e sair de sua morte
sou como  um  rio que  corre sem  chegar a  lugar  algum
porque um  dia desaguei  em  você
Hoje sigo apenas sem  me  importar com  nada
não  me  importa  para  onde  vou
apenas  sigo
Não  se   volta  no  tempo,
nem  se   recomeça de  onde  parou...



Um comentário:

  1. Uma poesia triste, mais muito bonita, alias como tudo que leio aqui, uma mistura de tristeza e beleza que prende a atenção de quem le, parece escrita para quem esta lendo, sua sensibilidade é palpavel atraves das poesias que escreve, estou mandando meu imail para você saber quem sou, eu sei quem você é, ja fomos apresentados, bjs

    ResponderExcluir