Guarda flores entre as paginas dos livros achando que quando secarem seus sonhos se realizarão....... desenha flores nas aguas do rio e vê formas nas nuvens que passam..... Não é louca..... apenas não gosta do mundo que vive .Quer sair.....mais sabe que morrera nele.......um dia...... Adriana Martins

Amigos

Não tenho direito a sonhos



Não tenho direito   a  sonhos
Vivo  a   realidade crua
fria
cruel
Escolhi ou  fui escolhida...
não  sei
só  sei  que  me  acostumei
a viver  em  dois  mundos....
duas  fronteiras
duas  realidades.....
que  atravesso  todos  os  dias de  minha   vida
Luto  por  pessoas  que ninguém  quer
ou entende
Mergulho fundo  na  vida  e  na  dor
volto sempre....respiro....e...sobrevivo
Escolhi  assim
é como  o  ar  que  respiro
Durmo  e acordo no  mundo real
sem  fantasias.....
Abri mão  de muitas  coisas
amigos
amores
momentos
sonhos
fantasias
mais  é assim  que  é
e  assim  vai ser sempre
Gosto  da  vida  como  ela é
difícil
ousada
triste
e dos  momentos que  sou  eu   mesma..
ando em    favelas
cadeias
ruas
situações
Conheço pelo   cheiro  a tensão  no  ar
sou real
verdadeira
Nunca me  arrependi da   escolha
Não  me  julgue ...quem  não  me    conhece
Eu estou de  passagem, mais  me  ligo  na  vida.....


Um comentário:

  1. Passando pra falar que gosto de suas poesias, de você e desse seu mau humor tambem, nos vemos amanha cedo, estou com saudades suas, beijos

    ResponderExcluir