Guarda flores entre as paginas dos livros achando que quando secarem seus sonhos se realizarão....... desenha flores nas aguas do rio e vê formas nas nuvens que passam..... Não é louca..... apenas não gosta do mundo que vive .Quer sair.....mais sabe que morrera nele.......um dia...... Adriana Martins

Amigos

Incertezas.....







Mãos que não se tocam
olhos que não se vêem
mais a certeza que ele
também não esqueceu
os momentos que tiveram juntos
amo de longe
é
como se dormisse comigo
nessa cama fria a vazia




Pela manha acredito que
acordo em seus braços
que esta a meu lado
encostado seu corpo no meu
como se eu e você
estivessemos juntos
a cada manhã
Crio essa ilusão para sofrer menos
essa distancia que criamos
tentando fazer da distancia
nossa proximidade maior
sangramos em gotas de desejos
e nos arrebentamos em lágrimas
tentando fugir do que mais desejamos
caricias, amor louco, desejos
Quero você comigo
para acabar com essa saudade estúpida
essa vontade de seu corpo
fazer um amor louco
onde as palavras nos excitam
e nos levam a loucura desesperada
daqueles que sabem que não haverá amanha
Quero você sem tempo marcado
quero você da forma mais explicita
e sem nenhuma vergonha
ou barreiras
Acalme minhas noites e meus dias
Enquanto eu ainda te amar
vou continuar fazendo poesias
para que possa ler
e entender
que esse amor ainda esta vivo
Não confunda apenas um detalhe
o amor ainda vive
mais eu estou morrendo a cada dia
de saudades
de voce
















2 comentários:

  1. "Nem a juventude sabe o que pode, nem a velhice pode o que sabe." José Saramago

    Perfeito... É o único adjetivo que posso enaltecer mais ainda esse texto. Depois de lê-lo, a única coisa que sinto é vontade de abraçar-te... Você consegue expressar tanto sentimento com palavras que me perco na leitura e lamento quando acaba... aí fico lendo duas, cinco, dez vezes para saciar a vontade de ficar perto... bjus

    ResponderExcluir
  2. Saudades de você minha amiga, dos dias em que a gente sentava naquelas rodas e conversavamos sobre tantas coisas, a hora corria e nem sentiamos, sinto saudades e muitas, Eduarda me deu o link e gostei de ter vindo, continua escrevendo com a alma, com o coração, mais vejo em algumas muita tristeza, gostei de tudo que vou lendo,parabens
    Bernardo

    ResponderExcluir